10.5.14

Nostalgia


 No banco que me sento todos os dias sinto uma enorme nostalgia que me rouba o ar e tudo aquilo que me suporta neste mundo. Todos os dias, quando morro para o mundo sinto uma enorme vontade de voltar, apenas para concluir aquilo que ainda se poderá tornar num sonho realizado. Todos os dias, quando entro no hospital sinto que será mais um passo desta longa recuperação.
 Acordo todos os dias a pensar no dia em que andarei sem muletas e sem tala. Naquele tal dia em que acordarei e sairei a correr pela praia fora como se nada neste mundo me fizesse tão feliz.
 É a saudade que me leva a um profundo sono todas as noites, apenas porque quanto mais se sonha, mais felizes somos.

2 comentários:

  1. agarra-te a essa vontade, a essa esperança e nunca deixes de sonhar (:

    ResponderEliminar
  2. Vir até aqui e não entrar no seu cantinho seria o mesmo em não me deparar com sua presença... Em outras palavras seria o mesmo que sair em noite estrelada e não me deparar com o brilho da lua que transmite no seu majestoso brilho o seu esplendor. E pode ter certeza que não haverá um único dia que me hei de me ausentar para ver-te brilhar na sua feminilidade que fora feita no esplendor de mulher.... Bj carinho e repleto de calor no seu mais puro coração.

    ResponderEliminar

Deixa-me uma opinião, obrigada :)